DDS - Isqueiros - Pequenas bombas

Há cerca de alguns anos, em uma estrada de ferro nos EUA, ocorreram dois acidentes por isqueiros a gás (butâno).

Um ocorreu quando um soldador estava soldando uma peça. Ele estava com seu isqueiro no bolso quando uma partícula incandescente, proveniente da solda atingiu o isqueiro derretendo o invólucro plástico do gás e liberando butâno, que explodiu violentamente, causando a morte do empregado.

O outro acidente ocorreu de maneira semelhante e a explosão amputou o braço do operário, que faleceu dias depois.

Deve-se ressaltar que o volume de gás existente nesses isqueiros tem a potência de força explosiva equivalente a três bananas de dinamite, dependendo da situação em que explodir.

Recomenda-se aos empregados que trabalham com solda ou perto do calor (fornalhas, forja, maçarico, etc.) que não utilizem isqueiros domésticos, e sim, isqueiros industriais.

Às donas de casa, recomendamos a substituição do isqueiro a gás por fósforos, pela mesma razão.
 



Dados do artigo


Fonte:
Recebido por e-mail
Autor(ers):
Desconhecido
Qtde. Acessos:
4544
  Seções:  

  Palavras-chave:  
  Criado:  
12/27/2012 1:00:00 AM

Compartilhe


Sobre


Somos um site sobre
Segurança do Trabalho,
SESMT e
assuntos relacionados.

O nosso conteúdo
na grande maioria é
obtida na internet.

Redes Sociais