DDS - Acidentes na Cabeça

Dependendo da intensidade e do local atingido, uma pancada na cabeça pode originar desde um simples "galo" (inchaço por acúmulo de líquidos) até fraturas de crânio e contusões cerebrais. Em alguns casos, a vítima fica apenas atordoada ou desfalece por instantes, sem haver maiores complicações. Quando porém o ferimento é mais grave, sai sangue pela boca, pelo nariz e pelos ouvidos, o pulso acelera-se (mas suas batidas são fracas) e as pupilas apresentam diâmetros desiguais, podendo haver dor de cabeça e tonturas.

O que fazer

  1. Deite a vítima de costas, com a cabeça de lado, e mantenha-a nessa posição, coberta, até que o médico chegue. Não permita que ela sente ou tenta andar. Mova-a sempre com cuidado, evitando manobras bruscas. Atenção: Se ela estiver inconsciente, não a sacuda nem lhe dê tapas para que desperte. Tampouco lhe dê água ou qualquer estimulante, ainda que esteja consciente;
  2. Tire os óculos ou lentes de contato da vítima;
  3. Desobstrua-lhe a boca, para facilitar a respiração, retirando dentaduras e pontes. Se houver detritos ou sangue, na boca ou no nariz, limpe-os com gaze esterilizada ou pano limpo;
  4. Estanque eventuais hemorragias. Atenção: Se houver suspeita de fraturas, não faça compressão para estancar o sangue;
  5. Se a vítima não perdeu a consciência ou já voltou a si, faça algumas perguntas cujas respostas possam demonstrar seu grau de lucidez;
  6. Se após o acidente, ou semanas depois, a vítima sentir torpor, confusão mental, dores de cabeça, febre inexplicável, desmaios, escurecimentos dos tecidos macios sob os olhos ("olho preto") ou outros sintomas, leve-as ao médico com urgência;
  7. Se houver sangramento pela boca, pelo nariz ou pelos ouvidos, a urgência de socorro médico é a mesma;
  8. 8.Se tudo não passar de um "galo", aplique uma compressa de gelo no local durante dez minutos. Ou comprima o hematoma com uma atadura ou qualquer tecido elástico.

Artigos Correspondentes


Dados do artigo


Fonte:
Recebido por e-mail
Qtde. Acessos:
8677
  Seções:  

  Palavras-chave:  
  Criado:  
5/22/2015 5:04:24 AM

Compartilhe